Casa Film zo 12 jul 2015 Doc "(O vento lá fora)", com Maria Bethânia e Cleonice Berardinelli

 5,00

12 juli 2015
Aanvang: 20:00 uur
Deur open: 19:00 uur
SEM LEGENDAS/GEEN ONDERTITELING

Op voorraad

Beschrijving

Documentário over Fernando Pessoa
O filme “(O vento lá fora)” é um retrato do poeta Fernando Pessoa a partir da leitura de seus poemas pela professora Cleonice Berardinelli e pela cantora Maria Bethânia. Berardinelli, 98 anos, imortal da Academia Brasileira de Letras,  é tida como a maior especialista em Pessoa no Brasil, enquanto Maria Bethânia, ao longo de quase 50 anos de carreira popularizou a obra do poeta em shows e discos. O documentário é do diretor Márcio Debellian, com roteiro dele e de Diana Vasconcellos. o filme é construído a partir do ensaio para a leitura, a leitura dos poemas, conversas sobre a obra do poeta, pesquisa de manuscrito e apresenta imagens raras. Quem já viu o filme jura de pés juntos que é “Imperdível!”.

“…Meus pensamentos“.
O roteiro do filme “(O vento lá fora)” é feito da costura de poemas com conversas entre Cleonice Berardinelli e Bethânia sobre a obra do Pessoa, ressaltando aspectos da personalidade de seus heterônimos Alberto Caeiro, Álvaro de Campos e Ricardo Reis. O clima de intimidade e o humor na interação entre Cleonice e Bethânia ajudam a pontuar o ritmo e a fluidez do roteiro, que também se apropriou de trechos da carta na qual o próprio Pessoa explica a gênese de seus heterônimos ao poeta português Adolfo Casais Monteiro. “Sou um guardador de rebanho. O rebanho é os meus pensamentos. E os meus pensamentos, são todos, sensações” (Alberto Caeiro).

Amantes de Pessoa
oventola_f03cor_2014130588O documentário, filmado em preto e branco, tem duração de 64 minutos, com trilha musical que traz Nelson Freire (executando Liszt e Schumann), composições de Egberto Gismonti executadas em flauta e violino e uma pequena participação da própria Maria Bethânia ao piano. Trata-se de um filme de duas amantes de Pessoa, que entusiasma pelo encantamento com que declamam, conversam e revelam a sua “intimidade” com o autor.

Debellian
Márcio Debellian, diretor do documentário é um dos realizadores do filme Palavra (En)cantada, sobre a relação entre poesia e música e é curador (em parceria com Miguel Jost) da sala de exposições do Imperator (RJ) onde realizou mostras sobre Marina Lima, Martinho da Vila, Elizeth Cardoso e Beth Carvalho. Para o lançamento da exposição em homenagem a Elizeth Cardoso, criou e dirigiu o espetáculo A Divina, com Teresa Cristina e Áurea Martins. É diretor do show Maneira de Ser, da cantora Marina Lima, que estreou em janeiro de 2013. É organizador dos seguintes livros: Revista Souza Cruz, uma antologia 1916-1935 (ILHA, 2013); Maneira de Ser (Língua Geral, 2012), sobre a cantora Marina Lima, organizado em parceria com a própria artista; da antologia Liberdade até Agora (com Eduardo Coelho – Mobile, 2011); e da nova edição do livro Maria Bethânia Guerreira Guerrilha (com Ramon Mello – Mobile, 2011), de Reynaldo Jardim, livro originalmente lançado em 1968 e retirado de circulação pelo regime militar. Nos últimos anos, produziu e dirigiu mais de 250 vídeos lançados na internet, com entrevistas com nomes como Yoani Sanchez, Jeanne Moreau, Sophie Calle e Caetano Veloso.

Sinds1987